Stephen King - As crianças do milharal


 As Crianças do Milharal - Stephen King

O milharal estava crescido e cerrado, quase a ponto de produzir. Seria possível enveredar por aquelas fileiras regulares e cheias de sombra e ter que passar o dia inteiro procurando o caminho de volta. Ali, porém, a regularidade das fileiras fora quebrada; vários talos de milho estavam quebrados e caídos para os lados. E o que seria aquilo, mais além, na sombra?

O QUE ACHEI:

As crianças do milharal assombrado...

Este é um dos primeiros contos de Stephen King que eu li e que  circulam pela Internet desde que a rede se tornou popular e textos de autores famosos (ou nem tão famosos) passaram a fazer parte do conteúdo de sites de todo o mundo.

Reli o conto há pouco tempo e, como da primeira vez, eu me surpreendi com a qualidade e originalidade do enredo e com o final assustador - como a maioria dos finais de SK. 



Em todo filme ou livro de terror que envolve crianças sempre há um toque mais sombrio e desesperador, talvez porque nós recusamos a aceitar que o mal, o mal profundo e abismal, possa tocá-las. Ou que uma criança possa realmente ser pérfida e cruel por natureza. Embora estudos recentes na psicologia já tenham comprovado que, sim, existem crianças com tendências genéticas para a maldade - os futuros psicopatas - nós ainda teimamos em rejeitar tal ideia. 

Em "As crianças do milharal" SK faz justamente esse doloroso jogo de gato e rato entre crianças e adultos e um misterioso 'deus' que, para todos os efeitos, só traz o terror, em seu estado mais puro. Um conto que faz parte das primeiras safras de contos horripilantes de Stephen e que, ao contrário dos trabalhos mais recentes dele, ainda tem um tom menos irreverente e mais sério.

Muito bom para pessoas que apreciam o gênero "terror-com-final-originalmente-terrível". ;)


Share:

2 comentários:

Arismeire Kümmer Silva disse...

Terror+ crianças...medo!!!! ^^
Não lembro se li este conto. Tenho lido tantas coisas do King desde ano passado que meu cérebro começou a fazer confusão, hehehehehehe.

camilla ffaría disse...

esse livro é ótimo. normalmente livros de terror nos assustam bem mais do que os filmes porque voce vive a história. e essa é ainda mais assombrosa por ter crianças...

resenhaabutre.blogspot.com