Charlaine Harris - Serie Vampiros do Sul 5 - Absolutamente Morto


Charlaine Harris - Série Vampiros do Sul 5 - Absolutamente Morto... Será?

Charlaine Harris - Série Vampiros do Sul 5

Absolutamente Morto (Dead As A Doornail) - Quando os olhos de Jason, o irmão de Sookie, começam a mudar, ela sabe que ele está prestes a se transformar em um animal, agora que ele se tornou metamorfo...  pela primeira vez. Mas sua preocupação se torna medo frio quando um atirador apresenta sua visão mortal sobre a cidade onde ela mora, atirando contra metamorfos e Jason se torna a principal suspeita. Agora, Sookie tem até a próxima lua cheia para descobrir quem está por trás dos ataques, a menos que o matador decida encontrá-la primeiro.

O QUE ACHEI:
Nesse livro, o irmão de Sookie, o "fantástico" e mulherengo Jason, após uma aventura terrível passada no vilarejo Hot Shot, terá um dos principais papéis na história. Não que Sookie fique em segundo plano,  não mesmo.
Porém ela terá de lidar, além desse incidente perturbador com o danado do Jason, com outros 'pequenos' problemas. Pobre Sookie. A fila de admiradores vai aumentando, à medida que ela se  mete em mais e mais enrascadas!
Agora, após ter salvo o mano de um destino horrível, Sookie se verá às voltas com vários crimes cometidos por um atirador anônimo. Que visa os metamorfos de Bon Temps, Hot Shot e até... ela mesma. Será que ela foi confundida com um metamorfo?

Nessa história, seu patrão e admirador Sam, também sofre um atentado, e fica com uma perna inutilizada, por um bom tempo. Para ajudá-lo (gosto desse jeito de boa samaritana da Sookie!), ela vai falar com o vampiro-viking Eric, e lhe pede "emprestado" um barman para o bar de Sam. Lá vai um interessante vampiro com ar de pirata, que será o mesmo que vai salvar sua vida, durante um atentado que Sookie sofrerá em casa.
Pra variar, mais problemas! Sookie verá sua amada casa, herança de sua avó, pegar fogo num incêndio criminoso.
Dá pra sentir pena dela nesse livro... tantos homens a cortejam, incluindo Bill, Erik, Alcide Herveaux (não vou dizer quem é, pra não perder a graça) e mais um novo, um quarentão charmoso do vilarejo de Hot Shot, chamado Calvin.
Sookie e Alcide, o lobisomem


Enfim... ela continua cheia de admiradores, mas nenhum cem por cento de confiança. Bill, o primeiro amor, arruma uma namorada nesse livro, coisa estranha! Mas, como eu já tinha me desiludido dele, tudo bem... a própria Sookie vai acabar se conformando.

No final, ela irá a uma espécie de "evento esportivo" entre os lobis de Shreveport, e lá acabará conhecendo... mais um admirador. Não gostei, não gostarei dele também nos outros livros (ou pelo menos é a impressão que senti). Fica uma leve impressão de que ela é promíscua, sei lá... Ou que a autora exagera na dose dos admiradores.

Mas o livro é tão bom quanto os demais. E não dá pra você parar de ler, porque (como eu, na certa) vai querer saber a continuação da história dessa mocinha simpática, charmosa e azarada. Apesar de sortuda em certos sentidos. E vai querer saber se ela, afinal, voltará com o eterno-primeiro-amor-que-não-se-esquece, Bill, o fofo e simpático Sam, o perigoso e metido Erik, o grandalhão Alcide ou o novo namorado (sei não... ).

Boa leitura!


Share:

0 comentários: