Dean Koontz - O Guardiao


Dean Koontz - O Guardião, um anjo de luz... ou um perigoso inimigo?

Laura Shane é uma jovem mãe atribulada por incidentes, traumas e lembranças ruins de passagens por reformatórios para crianças orfãs. Desde o nascimento, ela é acompanhada por um estranho que sempre aparece em meio a tempestades para salvá-la da aflição.

Stephan, o anjo que vem do passado interferir na vida de Laura, realiza cálculos bastantes complexos para vir dos anos 40 aos dias atuais e fazer o percurso inverso. Como é iniciante no uso da máquina do tempo, precisa descobrir o que se pode ou não se pode alterar no passado de cada um e da própria história política do mundo. Para agrado do leitor de Koontz, Stephan é perseguido nos dias de hoje por inimigos do passado que põem em risco a vida de Laura. Os viajantes do tempo podem quase tudo; por exemplo, alterar o futuro que é plástico e mutável. Com base nesse paradoxo, a própria história da última grande guerra poderia ser reescrita.

O QUE ACHEI:

A primeira parte do livro é um tanto monótona, contando em detalhes minuciosos a vida de Laura, desde o dia em que ela nasceu e cuja vida foi salva pelo misterioso homem, impedindo que um médico embriagado fizesse o parto de sua mãe.
Sua vida prossegue, numa narrativa lenta e por vezes, um pouquinho enrolada, quando o leitor desejaria mais rapidez e ação no desenrolar da trama. Fica a pergunta no ar: quem é o 'anjo da guarda' de Laura, o que ele quer, por que gosta dela e quer tirá-la de todas aquelas situações de perigo? E quem é o outro, o que parece inimigo?
"From embrace to embrace", by tsdarc
Porém, a narrativa é mais lenta e dramática, contando como ela, por duas vezes, quase foi vítima de abuso sexual, sua infância triste, suas amigas, pessoas que passaram por sua vida; depois, a idade adulta, como ela conheceu o homem que amou e que mais tarde se tornaria seu companheiro, etc., não parece o estilo de Koontz.

A segunda parte, porém, é perfeita. Com ação, energia e muita criatividade, Koontz relata uma história arrepiante, criaturas e personagens fascinantes ou assustadores, que vão entrar no mundo de Laura para destruí-la para sempre, tirando-lhe tudo o que ela mais ama: seu marido, seu filho e sua saúde... a não ser que o Guardião consiga ajudá-la, E ela mesma seja corajosa o suficiente para enfrentar essas ameaças.
Gostei muito, apesar de a primeira parte do livro me soar tão tristonha e deprimente. Houve momentos em que eu quis entrar no livro e socar as caras de alguns pervertidos e pessoas omissas. Ou dar um tiro na testa de alguns monstros, para encurtar um pouco a narração e agilizar a vitória dos protagonistas.

No todo, é um livro que te prende, do começo ao fim, embora você às vezes deseje mais rapidez. A segunda parte é perfeita, com todo o suspense e agilidade requeridos de um trhiller de horror/suspense/meio-romance perfeito.

O final foi satisfatório, embora traga lances hiper dramáticos. Nota 1000!









Share:

0 comentários: